Home  /  Gravidez Depressão Pós-Parto

Depressão Pós-Parto

A gravidez é um estado de saúde da mulher. Mas impõe uma série de mudanças ao corpo, e aos sentimentos da futura mãe.

Hoje o pré-natal médico está muito bem assistido, no entanto o pré-natal psicológico e social ainda tem diferenças.
É preciso cuidar também do nascimento da mãe e não só do nascimento da criança.

Esse futuro não tem sentimentos em relação a positivo e negativo à gravidez. Sempre que uma gestante não expressar sentimentos e reprimi-los vão ter mais chances de depressão pós-parto.

Depressão significa não “expressão de sentimentos”.

Durante o pré-natal fale sobre tudo com seu obstetra.
O estado depressão pós-parto não aparece só sob a forma de tristeza.
Mães obsessivas com cuidados com o nenê, com mania de limpeza ou muito agitadas podem estar deprimidas. Por isso, queridas leitoras, não deixe para o pós-parto o que pode ser evitado no pré-parto.

Depoimentos


Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/drmal031/public_html/modules/mod_rsmonials/mod_rsmonials.php on line 61

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/drmal031/public_html/modules/mod_rsmonials/mod_rsmonials.php on line 43
Para uma profissional como eu, as dificuldades do ciclo interferem não só no humor, como também na estética e peso corporal. Com os implantes hormonais do Dr. Malcolm, não só os sintomas da TPM desapareceram como também a dor no seio que tanto me irritava. É um anticoncepcional moderno...

Emanuele de Paula - Modelo - 06.04.11

DST

Gravidez

Implantes

Métodos Contraceptivos

Menopausa

Menstruação

Saúde da Mulher

Sexualidade